top of page
Buscar

Geração Z tem nível recorde de insatisfação com emprego

De acordo com dados da consultoria Gallup, de 2019 a 2022, a parcela de pessoas com menos de 35 anos que relatou estar engajada com seus empregos caiu de 37% para 33% — o nível mais baixo desde 2011. Ao mesmo tempo, o grupo que relatou estar desanimado subiu de 12% para 17%.


♦️ O aumento do desencanto no local de trabalho pelas novas gerações praticamente equiparou o nível de esmorecimento entre jovens e velhos;


♦️ Baixo engajamento traz instabilidade para as empresas e resulta em maior rotatividade de empregos e em redução de lucros;


♦️ Segundo a Gallup, a falta de conexão da Geração Z com o trabalho custa à economia global US$ 7,8 trilhões por ano em perda de produtividade.



Os entrevistados, de 20 e 30 anos, elencaram as motivações por trás do desânimo:


- sentimento de não serem olhados

- de não terem alguém que incentive seu desenvolvimento

- de não verem oportunidades de crescimento

- não terem um melhor amigo no trabalho


Fonte: Época Negócios


Onde estão as falhas no ambiente empresarial que estão ocasionando esse "desânimo" na Geração Z?

11 visualizações0 comentário

댓글


Vinicius David
bottom of page