top of page
Buscar

Mobilidade Urbana em 2023

Mobilidade urbana em 2023 envolve inovação, novas tendências e muita tecnologia.


Segundo dados de pesquisa do Oliver Wyman Forum, estima-se que até 2030 haja um crescimento de 75% no setor, representando cerca de US$ 26,6 trilhões (um quinto da atividade econômica global). Esse desenvolvimento está diretamente ligado à utilização de novas tecnologias, a gestão de frotas, integração entre modais, automatização de operações e, também, ao novo comportamento dos passageiros, que agora buscam alternativas inteligentes e sustentáveis para se locomover.



Algumas tendências são:


Carteira digital: Através de seus próprios bancos digitais e alguns aplicativos específicos é possível recarregar seu bilhete único pelo celular ou por meio de um QR Code.


Compartilhamento em tempo real de informações sobre o veículo como localização, lotação e trajetos alternativos.


Maior conectividade com o 5G para melhorar os fluxos de trânsito.


As ações ESG aumentam a eficiência das operações, reduzem os custos, os desperdícios de matéria-prima e garantem o maior aproveitamento dos recursos.


Redução no número de carros próprios: O aumento dos custos com gasolina, seguros, mecânico, impostos e despesas gerais, juntamente ao constante crescimento do mercado e do número de aplicativos de locomoção, seu custo-benefício influenciaram diretamente a escolha das gerações mais jovens pela utilização de carros particulares de aplicativos ao invés de investir em um carro próprio.


Ademais, é possível ver muitas pessoas da geração Z preferindo utilizar bicicletas e patinetes para realizar trajetos mais curtos. Um dos fatores para essa troca foi a extensão das ciclovias nos centros urbanos, o que torna o trajeto nesses meios de transporte mais rápido e seguro para a população.


No que diz respeito à mobilidade urbana, 2023 chega com diversas tendências engatilhadas e um setor pronto para abraçar as inovações tecnológicas e a mudança do estilo de vida das pessoas e das cidades. A sustentabilidade e a digitalização, sem dúvidas, serão as palavras que vão guiar o setor de mobilidade neste ano.


Fonte: Exame

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Vinicius David
bottom of page